Nossos serviços estão apresentando instabilidade no momento. Algumas informações podem não estar disponíveis.

Survey of Stocks

Main results - H2 2023

#seriehistorica2017103145754825

#seriehistorica201710315219756

#seriehistorica201710315354811


The IBGE adopts a review policy of the data disclosed by this statistical operation. Data review means any and all scheduled revision of numerical data due to new information, which was not accessible at the time of the first disclosure. For instance: late data that replaces a non-response; or data corrected by the informant himself; or a set of data that has undergone editing and imputation. For more detailed information about the published data review policy of the IBGE statistical operations, check the list of short-term, long-term and special surveys carried out by the Institute with their respective revision procedure on: https://biblioteca.ibge.gov.br/index.php/biblioteca-catalogo?view=detalhes&id=298009.

Tables - H2 2023

Table 1 - Total number of storage establishments, according to the Major Regions (xls)

Table 2 - Useful capacity of storage units, according to the types of company ownership - Brazil (xls)

Table 3 - Useful capacity of storage units, according to the types of establishment activities - Brazil (xls)

Table 4 - Stock of products investigated on December 31, 2023 - Brazil (xls)


The IBGE adopts a review policy of the data disclosed by this statistical operation. Data review means any and all scheduled revision of numerical data due to new information, which was not accessible at the time of the first disclosure. For instance: late data that replaces a non-response; or data corrected by the informant himself; or a set of data that has undergone editing and imputation. For more detailed information about the published data review policy of the IBGE statistical operations, check the list of short-term, long-term and special surveys carried out by the Institute with their respective revision procedure on: https://biblioteca.ibge.gov.br/index.php/biblioteca-catalogo?view=detalhes&id=298009.

Concepts and methods - H2 2023

As informações a seguir descrevem os metadados estatísticos, que são o conjunto de conceitos, métodos e aspectos relacionados às estatísticas, e são informações necessárias para compreender as características e a qualidade das estatísticas e interpretá-las corretamente.

Informações Gerais

Objetivo
A Pesquisa de Estoques objetiva fornecer informações estatísticas conjunturais sobre o volume e distribuição espacial dos estoques de produtos agrícolas básicos, sobre as unidades onde é feita a sua guarda, e acompanhar a sua evolução ao longo do tempo.
Tipo de operação estatística
Pesquisa agrícola
Tipo de dados
Dados de Censo
Periodicidade de divulgação
Semestral
População-alvo
Estabelecimentos que possuem unidades armazenadoras - prédios ou instalações construídas ou adaptadas para armazenagem de produtos agrícolas com capacidade útil total igual ou superior a 2.000 m³ ou 1.200 toneladas, que tenham como atividade principal comércio (exceto supermercado), indústria, serviço de armazenagem ou produção agropecuária.

Metodologia

São aplicados questionários nos estabelecimentos que se dedicam à prestação de serviços de armazenagem ou que tenham a guarda de produtos agropecuários ou derivados, vinculados à sua atividade principal.
O cadastro de estabelecimentos da pesquisa é um painel baseado nos cadastros da Pesquisa de Armazenagem e Estocagem a Seco, realizada até 1984, ampliado com a inclusão dos estabelecimentos constantes dos Censos Econômicos (até 1985) e Censos Agropecuários, e de cadastros de outros órgãos públicos e privados ligados ao setor. A atualização do cadastro é feita pela Rede de Coleta do IBGE, com a inclusão sistemática de informantes que atendam às características de atividade, de capacidade estática e de guarda de volumes de produtos agrícolas, definidas na população alvo.
Técnica de coleta:
CASI - Questionário eletrônico autopreenchido, PAPI - Entrevista pessoal com questionário em papel, Fax ou correio eletrônico, Telefone

Temas

Temas e subtemas
Estatísticas econômicas setoriais, Agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura
Principais variáveis
- tipo de propriedade da empresa
- tipo de atividade e situação do estabelecimento
- modalidade de armazenagem
- capacidade útil
- estoques existentes

Os produtos investigados são: algodão (em pluma), algodão (em caroço), caroço de algodão, semente de algodão, arroz (em casca), arroz beneficiado, semente de arroz, café arábica (em grão), café canephora (em grão), feijão preto (em grão), feijão de cor (em grão), milho (em grão), semente de milho, soja (em grão), semente de soja, trigo (em grão), semente de trigo e outros grãos e sementes.

Palavras-chave
Estoque Armazenagem Armazém Silo

Unidades de informação

Unidade de investigação
Estabelecimento
Unidade de análise
Município
Unidade informante
Estabelecimento.

Períodos de referência

Data - 31/12/2023
Data de início da coleta
02/01/2024
Data do fim da coleta
06/04/2024

Disseminação

Formas de disseminação
Publicação Digital (online), Banco de Dados Agregados - SIDRA
Nível de desagregação geográfica
Município
Nível de divulgação
A pesquisa é divulgada em nível Brasil, Grandes Regiões, Unidades da Federação, Mesorregiões, Microrregiões Geográficas e Municípios.

Instrumentos de coleta

Histórico

A pesquisa teve origem, no IBGE, em 1958, sob o título "Depósito de Gêneros Alimentícios e Forragens". Em 1963, a apuração passou à responsabilidade do Ministério da Agricultura, tendo sido, em 1966, desdobrada em duas partes: "Armazenagem e Estocagem a Seco" e "Armazenagem e Estocagem a Frio". A partir de 1966, o Ministério da Agricultura deixou de fazer a apuração dos dados levantados pelo IBGE.
Em 1971, o IBGE assumiu novamente a sua responsabilidade, sendo que, em 1986, foi reformulada e passou a se denominar "Pesquisa Especial de Armazenagem" e, finalmente, "Pesquisa de Estoques", a partir do segundo semestre de 1987.

Saiba mais

https://metadados.ibge.gov.br/consulta/estatisticos/operacoes-estatisticas/ES

Publications - H2 2023

Description

The Survey of Stocks investigates information on the volume and spatial distribution of the stocks of basic storable agricultural products and on the units where they are stored, having as the data collection unit the establishments that have appropriate installations or storage facilities dedicated to provide storage services or to store agricultural products as their main activity.

Then called Foodstuff and Fodder Warehouse, the Survey of Stocks began in 1958. Carried out every two years, it aimed at addressing strategic objectives of military interest, like assuring the supply in critical situations for national security. In 1963, the survey became responsibility of the Ministry of Agriculture, with an annual periodicity. In 1966, the survey was unfolded into two parts, Dry Storage and Cold Storage. In spite of the data still being collected by the IBGE Data Collection Network, the Ministry stopped to compile them, interrupting the survey from that year up to 1971, when the IBGE resumed total responsibility for the two surveys. Over time, the survey underwent changes, redesigns and improvements in a number of aspects: scope; composition of the informant registry; periodicity; methodology; conceptions; data collection instruments; and way of compilation, which also reflected in its current denomination. The online questionnaire was introduced in the second semester of 2014, providing informants with the option of filling the data through the Internet. An electronic spreadsheet has been used since the second semester of 2016, allowing the informants to fill the data of all the establishments under their responsibility. The format of the spreadsheet allows direct load into the system by the IBGE, without any need to enter data.

The survey provides information on the establishment activity and status, storage type, storage capacity and existing stock of selected agricultural products. The survey takes into account the installations built or adapted for storage with a storage capacity equal or higher than 2,000 m³ or 1,200 tonnes. It should be highlighted that any type of economic activity can be investigated by the survey, with the exception of supermarkets.

The periodicity of the survey is biannual and the data correspond to the dates of June 30 and December 31 of the reference year. The geographic coverage is national, with results released for Brazil, Major Regions, Federation Units, Mesoregions, Microregions and Municipalities.

Time series

#seriehistorica201755133829824 

#seriehistorica20175513414681

 

Downloads

News and Releases

Agricultural storage capacity grows 4.7%, hits 210.9 million tonnes in 2nd semester of 2023

The available storage capacity in Brazil was of 210.9 million tonnes in the second semester of 2023,...

13/06/2024

Agricultural storage capacity grows 4.8%, reaches 201.4 million tonnes in the first semester of 2023

The available storage capacity in Brazil was of 201.4 million tonnes in the first semester of 2023, 4.8%...

09/11/2023

May estimate forecasts record harvest of 305.4 million tonnes in 2023

Released today (13) by the IBGE, the Systematic Survey of Agricultural Production unveils that the national...

13/06/2023

Grain storage capacity increases by 1.8% and reaches 192.2 million tonnes in the second semester of 2022

In the 2nd semester of 2022, available storage capacity in Brazil reached 192.2 million tonnes, 1.8%...

13/06/2023

Agricultural storage capacity grows 3.0%, reaches 188.8 million tonnes in H1 2022

The available storage capacity in Brazil was of 188.8 million tonnes in the first semester of 2022, 3.0%...

09/11/2022

First estimate indicates record grain harvest in 2023 driven by recovery of soybeans

The Brazilian harvest of cereals and legumes is expected to reach 288.1 million tonnes in 2023, according...

09/11/2022

Agricultural storage capacity grows 1.5% and reaches 183.3 million metric tons in the 2nd half of 2021

In the 2nd semester of 2021, the available storage capacity in Brazil was 183.3 million metric tons,...

08/06/2022

May estimate points to record harvest of 263 million tonnes in 2022

The national harvest of cereals, legumes and oilseeds is expected to reach 263.0 million tonnes in 2022,...

08/06/2022

Agricultural storage capacity grows 2.5%, reaches 180.6 million tonnes in first semester of 2021

The available storage capacity in Brazil was of 180.6 million tonnes in the first semester of 2021, 2.5%...

11/11/2021

Agricultural storage capacity stands at 176.3 million metric tones in the 2nd half of 2020

In the 2nd half of 2020, the available storage capacity in Brazil was 176.3 million tones, 0.1% less...

10/06/2021

See more releases

Calendar

Future releases

Statistical operationEstimated release date
Survey of Stocks
Período de referência: 1/2024 a 6/2024
14/11/2024

Previous releases

Statistical operationRelease date
Survey of Stocks
Período de referência: 7/2023 a 12/2023
13/06/2024
Survey of Stocks
Período de referência: 1/2023 a 6/2023
09/11/2023
Survey of Stocks
Período de referência: 7/2022 a 12/2022
13/06/2023
Survey of Stocks
Período de referência: 1/2022 a 6/2022
09/11/2022
Survey of Stocks
Período de referência: 7/2021 a 12/2021
08/06/2022
Survey of Stocks
Período de referência: 1/2021 a 6/2021
11/11/2021
Survey of Stocks
Período de referência: 7/2020 a 12/2020
10/06/2021
Survey of Stocks
Período de referência: 1/2020 a 6/2020
10/11/2020
Survey of Stocks
Período de referência: 7/2019 a 12/2019
09/06/2020
Survey of Stocks
Período de referência: 1/2019 a 6/2019
13/11/2019
Survey of Stocks
Período de referência: 7/2018 a 12/2018
11/06/2019
Survey of Stocks
Período de referência: 1/2018 a 6/2018
08/11/2018
Survey of Stocks
Período de referência: 7/2017 a 12/2017
12/06/2018

Errata

Ordinance on pre-release access (in Portuguese)

Divulgação dos resultados de indicadores conjunturais

 

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão
GABINETE DO MINISTRO
PORTARIA Nº 355, DE 5 DE NOVEMBRO DE 2007
(Publicada no Diário Oficial da União nº 213, Seção 1, de 06.11.2007)

 

O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, no uso das atribuições que lhe confere o inciso II, do artigo 87 da Constituição Federal, resolve:

Art. 1º - A divulgação dos resultados de indicadores conjunturais produzidos pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE seguirá as seguintes etapas:

I - às sete horas do dia da divulgação serão encaminhados os resultados, acompanhados de um sumário-executivo elaborado pelo IBGE, para as autoridades da lista de precedência;

II - às nove horas do dia da divulgação serão encaminhados os resultados para os órgãos de imprensa e disseminados na Internet, através do sítio https://www.ibge.gov.br.

§ 1º. Os técnicos do IBGE estarão disponíveis para prestar esclarecimentos aos usuários sobre os resultados da pesquisa divulgada a partir do encaminhamento de que trata o inciso II do caput.

§ 2º. O disposto nesta portaria aplica-se a qualquer indicador conjuntural produzido pelo IBGE, especialmente aos seguintes:

I - Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC);

II - Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA);

III - Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - Especial (IPCA-E);

IV - Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15);

V - Pesquisa Mensal de Emprego (PME);

VI - Contas Nacionais Trimestrais;

VII - Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Brasil (PIM-PF Brasil);

VIII - Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Regional (PIM-PF Regional);

IX - Pesquisa Industrial Mensal de Emprego e Salário - (PIMES);

X - Pesquisa Mensal de Comércio (PMC);

XI - Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI);

XII - Conjuntura Agropecuária (Levantamento Sistemático da Produção Agrícola - mensal; Pesquisa Trimestral de Abate de Animais; Pesquisa Trimestral de Leite; Pesquisa Trimestral de Produção de Ovos de Galinha; Pesquisa Trimestral do Couro).

Art. 2° - A relação das autoridades constantes da lista de precedência específica a cada pesquisa de indicadores conjunturais, será divulgada por intermédio de Nota Oficial da Instituição e disseminada no portal do IBGE na Internet, através do sítio https://www.ibge.gov.br

Art. 3º - As autoridades constantes da lista de precedência deverão observar o mais rigoroso sigilo das informações referentes aos indicadores de que trata esta Portaria, nos termos do disposto na Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990.

Art. 4º - Revogam-se as Portarias nº 164/MP, de 20 de dezembro de 1999, e nº 167/MP, de 5 de setembro de 2003.

Art. 5º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

 

PAULO BERNARDO SILVA 


 O IBGE divulga a relação das autoridades que recebem com precedência os resultados das pesquisas conjunturais produzidas por esta Instituição: 

Ministra do Planejamento e Orçamento – Simone Nassar Tebet Rocha

  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - Especial (IPCA-E)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15)
  • Contas Nacionais Trimestrais
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Brasil (PIM-PF Brasil)
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Regional (PIM-PF Regional)
  • Pesquisa Mensal de Comércio (PMC)
  • Pesquisa Mensal de Serviços (PMS)
  • Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI)
  • Conjuntura Agropecuária
    • Levantamento Sistemático da Produção Agrícola - mensal
    • Pesquisa Trimestral de Abate de Animais
    • Pesquisa Trimestral de Leite
    • Pesquisa Trimestral de Produção de Ovos de Galinha
    • Pesquisa Trimestral do Couro
  • Índice de Preços ao Produtor - Indústrias Extrativas e de Transformação (IPP)
  • Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua)


Ministro da Fazenda – Fernando Haddad

  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - Especial (IPCA-E)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15)
  • Contas Nacionais Trimestrais
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Brasil (PIM-PF Brasil)
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Regional (PIM-PF Regional)
  • Pesquisa Mensal de Comércio (PMC)
  • Pesquisa Mensal de Serviços (PMS)
  • Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI)
  • Conjuntura Agropecuária
    • Levantamento Sistemático da Produção Agrícola - mensal
    • Pesquisa Trimestral de Abate de Animais
    • Pesquisa Trimestral de Leite
    • Pesquisa Trimestral de Produção de Ovos de Galinha
    • Pesquisa Trimestral do Couro
  • Índice de Preços ao Produtor - Indústrias Extrativas e de Transformação (IPP)
  • Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua)


Ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços - Geraldo José Rodrigues Alckmin Filho

  • Contas Nacionais Trimestrais
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Brasil (PIM-PF Brasil)
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Regional (PIM-PF Regional)
  • Pesquisa Mensal de Comércio (PMC)
  • Pesquisa Mensal de Serviços (PMS)
  • Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua)

 

Presidente do Banco Central - Roberto de Oliveira Campos Neto

  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - Especial (IPCA-E)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15)
  • Contas Nacionais Trimestrais
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Brasil (PIM-PF Brasil)
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Regional (PIM-PF Regional)
  • Pesquisa Mensal de Comércio (PMC)
  • Pesquisa Mensal de Serviços (PMS)
  • Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI)
  • Conjuntura Agropecuária
    • Levantamento Sistemático da Produção Agrícola - mensal
    • Pesquisa Trimestral de Abate de Animais
    • Pesquisa Trimestral de Leite
    • Pesquisa Trimestral de Produção de Ovos de Galinha
    • Pesquisa Trimestral do Couro
  • Índice de Preços ao Produtor - Indústrias Extrativas e de Transformação (IPP)
  • Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua)

 

Presidente da Caixa Econômica Federal - Carlos Antônio Vieira Fernandes

  • Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI)

 

Chefe de Gabinete Adjunto de Informações em Apoio à Decisão do Gabinete Pessoal do Presidente da República - Sandra Márcia Chagas Brandão

  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - Especial (IPCA-E)
  • Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15)
  • Contas Nacionais Trimestrais
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Brasil (PIM-PF Brasil)
  • Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Regional (PIM-PF Regional)
  • Pesquisa Mensal de Comércio (PMC)
  • Pesquisa Mensal de Serviços (PMS)
  • Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI)
  • Conjuntura Agropecuária
    • Levantamento Sistemático da Produção Agrícola - mensal
    • Pesquisa Trimestral de Abate de Animais
    • Pesquisa Trimestral de Leite
    • Pesquisa Trimestral de Produção de Ovos de Galinha
    • Pesquisa Trimestral do Couro
  • Índice de Preços ao Produtor - Indústrias Extrativas e de Transformação (IPP)
  • Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua)

 


Presidente do IBGE
Marcio Pochmann
Atualizado em 1º de dezembro de 2023

  

Divulgação dos resultados de indicadores estruturais

 

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão
GABINETE DO MINISTRO
PORTARIA Nº 15, DE 27 DE JANEIRO DE 2005
(Publicada no Diário Oficial da União edição número 20 de 28/01/2005)

 

O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, INTERINO, no uso das atribuições que lhe confere o art. 87, parágrafo único, incisos I e II, da Constituição e considerando o disposto no art. 27, inciso XVII, alínea "c", da Lei nº 10.683, de 28 de maio de 2003, resolve:

Art. 1º - Disciplinar os procedimentos a serem observados na divulgação dos resultados de indicadores estruturais produzidos pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

Art. 2º Os resultados serão encaminhados pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE ao Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, com antecedência mínima de quarenta e oito horas do horário fixado no art. 3º, inciso I, desta Portaria.

Art. 3º No dia da divulgação dos resultados dos indicadores de que trata esta Portaria, serão observados:

I - liberação para a imprensa e disponibilização pela Internet, no endereço: (https://www.ibge.gov.br), às 10 horas;

II - os técnicos do IBGE somente poderão prestar esclarecimentos sobre os resultados dos indicadores estruturais após a liberação e publicação na forma do inciso I.

Art. 4º Os servidores que tenham conhecimento prévio dos resultados deverão manter rigoroso sigilo, sob pena de responsabilidade nos termos da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

 

NELSON MACHADO