Projeções da População

Menu do Produto

O que é

Possuem fundamental importância para o cálculo de indicadores sociodemográficos, fornecendo subsídios para a implementação de políticas públicas e a posterior avaliação de seus respectivos programas, bem como para estratégias de planejamento do setor privado. Além disso, as projeções populacionais são também utilizadas para a expansão de todas as pesquisas domiciliares por amostragem realizadas pelo IBGE e o cálculo do Produto Interno Bruto - PIB per capita nacional e regional. Delas também derivam as estimativas municipais de população que, em conjunto, constituem o principal parâmetro para a distribuição, conduzida pelo Tribunal de Contas da União - TCU, das quotas partes do Fundo de Participação dos Estados e do Distrito Federal - FPE e do Fundo de Participação dos Municípios - FPM.

O cálculo das projeções populacionais para o total do País, por sexo e idade, pelo Método das Componentes Demográficas teve início em 1973. A partir de 1975, o IBGE passou a divulgar também projeções para os totais populacionais das Unidades da Federação e dos municípios, nos períodos intercensitários, por meio da aplicação de métodos matemáticos. Em 2013, passou-se a utilizar o Método das Componentes Demográficas para projetar também a população, por sexo e idade, para as Unidades da Federação, incorporando os resultados do Censo Demográfico 2010 e informações mais recentes sobre as componentes do crescimento demográfico (mortalidade, fecundidade e migração).

As Projeções da População do Brasil e das Unidades da Federação são elaboradas com base nas informações sobre as componentes da dinâmica demográfica oriundas dos censos demográficos, das pesquisas domiciliares por amostragem e dos registros administrativos de nascimentos e óbitos investigados pelo IBGE.

Dadas as transformações ocorridas na dinâmica populacional, as projeções são monitoradas continuamente e passam por revisões periódicas, tanto para a incorporação de novas informações, quando são detectadas alterações nas hipóteses previstas para as componentes, quanto para a atualização de sua metodologia de cálculo, estando esses aprimoramentos devidamente explicitados nos respectivos relatórios metodológicos.

Sobre a publicação - 2018

Nenhum conteúdo disponível para exibição

Principais resultados - 2018

Nenhum conteúdo disponível para exibição

Tabelas - 2018

Projeções da População do Brasil e Unidades da Federação por sexo e idade: 2010-2060

  • Projeções da população por sexo e idades (xls | ods)
  • Indicadores implícitos na projeção (xls | ods)

 

Quadros sintéticos - 2018

    Nenhum conteúdo disponível para exibição

    Microdados - 2018

    Nenhum conteúdo disponível para exibição

    Informações técnicas

    Metodologia de cálculo das Projeções de 2018 (Série Relatórios Metodológicos, v. 40)

    Metodologia de cálculo das Projeções de 2013 (Série Relatórios Metodológicos, v. 40)

    Metodologia de cálculo das Projeções de 2008 (Estudos e Pesquisas. Informação Demográfica e Socioeconômica, n. 24)

    Metodologia de cálculo das Projeções de 2004

    Metodologia de cálculo das Projeções de 2000

    • Documento indisponível neste momento.

    Séries históricas

    Nenhum conteúdo disponível para exibição

    Microdados

    Nenhum conteúdo disponível para exibição

    Portaria de precedência

    Downloads

    Conceitos e métodos - 2018

    As informações a seguir descrevem os metadados estatísticos, que são o conjunto de conceitos, métodos e aspectos relacionados às estatísticas, e são informações necessárias para compreender as características e a qualidade das estatísticas e interpretá-las corretamente.

    Informações Gerais

    Objetivo
    As projeções populacionais fornecem estimativas e indicadores demográficos prospectivos e são a principal fonte de informação populacional disponível para o período intercensitário. A projeção populacional pode ser utilizada no planejamento e monitoramento de políticas e ações nos setores público e privado. Além disso, as populações projetadas são utilizadas no cálculo de diversos indicadores socioeconômicos e demográficos e na expansão de todas as pesquisas domiciliares por amostragem feitas pelo IBGE. Adicionalmente, são a base para o cálculo das estimativas das populações dos municípios.
    Tipo de operação estatística
    Projeções e estimativas populacionais
    Tipo de dados
    Projeções e estimativas populacionais, Indicadores
    Periodicidade de divulgação
    Eventual
    Abrangência geográfica
    Nacional
    População-alvo
    População residente no Brasil e Unidades da Federação.

    Metodologia

    Para projetar as populações do Brasil e das Unidades da Federação foi utilizado o método das componentes demográficas, o qual incorpora as informações sobre as tendências observadas da mortalidade, da fecundidade e da migração em nível nacional e regional. Neste método, interagem as variáveis demográficas seguindo as coortes de pessoas ao longo do tempo, expostas às leis de fecundidade, mortalidade e migração. Para tanto, é necessário que se produzam estimativas e projeções dos níveis e padrões de cada uma destas componentes. Para informações mais detalhadas sobre a metodologia adotada, consulte
    Técnica de coleta:
    Não se aplica
    Procedimento de amostragem
    Não se aplica
    Crítica e imputação
    Não se aplica

    Temas

    Temas e subtemas
    Grupos populacionais específicos, População, Características gerais da população, Componentes da dinâmica demográfica e estatísticas vitais
    Principais variáveis
    população por sexo e idade
    nascimentos
    óbitos
    saldo migratório
    esperança de vida ao nascer
    taxa de mortalidade infantil
    taxa de Fecundidade Total
    tábuas de mortalidade abreviadas projetadas
    Palavras-chave
    Projeção Populacional, População, Demografia, Dinâmica Demográfica

    Unidades de informação

    Unidade de investigação
    Pessoa
    Unidade de análise
    Pessoa
    Unidade informante
    Não se aplica.

    Períodos de referência

    Data - 01/07/2010
    Data - 01/07/2060

    Disseminação

    Formas de disseminação
    Publicação Digital (online), Publicação impressa com CD-ROM
    Nível de desagregação geográfica
    Unidade da Federação
    Nível de divulgação
    Brasil, grandes regiões e unidades da federação

    Histórico

    O IBGE disponibiliza desde 2000 projeções populacionais para o Brasil, realizada por métodos demográficos. As projeções populacionais passam por revisões periódicas após a realização de Censo Demográfico ou de Contagem Populacional, ou na constatação de mudança nas tendências previstas para o comportamento de algum dos componentes da dinâmica demográfica: mortalidade, fecundidade ou migração. A última projeção divulgada ocorreu em 2013 e cobre os períodos de 2000-2060, para o Brasil, e 2000-2030, para as Unidades da Federação. Embora as revisões anteriores, publicadas em 2008, 2004 e 2000, estejam disponíveis para consulta, recomenda-se o uso da revisão de Projeção de População mais recente uma vez que, a cada revisão, são incorporadas informações mais atualizadas sobre os componentes e/ou mudanças metodológicas no cálculo da projeção.

    Calendário

    Próximas divulgações

    Nenhuma divulgação futura


    Divulgações anteriores

    Operação estatísticaData da divulgação
    Projeção da População do Brasil - Revisão 2018
    Período de referência: 0
    25/07/2018

    Publicações - 2018

    Nenhum conteúdo disponível para exibição

    Material de apoio

    Nenhum material de apoio cadastrado para esse item

    Erramos

    Nenhum conteúdo disponível para exibição