Estatísticas de Finanças Públicas e Conta Intermediária do Governo

Menu do Produto

O que é

Este informativo, fruto de parceria entre o IBGE, a Secretaria do Tesouro Nacional e o Banco Central do Brasil, apresenta os dados sobre as finanças públicas do governo geral – setor institucional que compreende todas as unidades de governo (central, estaduais e municipais) e os fundos de previdência social por elas controlados – referentes a 2016. A parceria tem o propósito de promover o intercâmbio e o compartilhamento de informações contábeis e fiscais entre as bases de dados dessas Instituições, de forma integrada, por meio da harmonização de classificações, conceitos e procedimentos, com o objetivo de fortalecer e aprimorar a metodologia de apuração da conta intermediária do setor governo e das estatísticas de finanças públicas.

As informações do governo central têm como fonte primária o Sistema de Administração Financeira do Governo Federal - SIAFI, da Secretaria do Tesouro Nacional, bem como dados dos demonstrativos contábeis do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço - FGTS e do fundo remanescente do PIS/PASEP (Programa de Integração Social e Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público). As informações dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios são provenientes do FINBRA (Finanças do Brasil - Dados Contábeis dos Municípios), do Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro - SICONFI, sob responsabilidade da mesma Secretaria. Complementarmente, foram utilizadas também informações da conta financeira e das receitas e despesas de juros das três esferas de governo, oriundas do Banco Central do Brasil.

A exemplo das três edições anteriores, o presente informativo, também disponibilizado em meio impresso, fornece os principais resultados obtidos neste ano a partir de uma visão geral do vínculo entre as Estatísticas de Finanças Públicas, elaboradas segundo os princípios e conceitos definidos no Government finance statistics manual 2014 - GFSM 2014, do Fundo Monetário Internacional - FMI, e a Conta Intermediária de Governo, que segue as recomendações do System of national accounts 2008 - SNA 2008, manual preparado sob os auspícios da Comissão Europeia - EUROSTAT, FMI, Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico - OCDE, Organização das Nações Unidas - ONU e Banco Mundial. Neste novo formato editorial, as notas técnicas são divulgadas em separado, podendo ser acessadas apenas em meio digital, nesta página. Elas trazem considerações de natureza metodológica sobre os dois sistemas estatísticos e destacam as similaridades entre ambos e as maneiras de reconciliação das diferenças, nos casos em que ocasionalmente existam, de modo a garantir a consistência dos dados macroeconômicos.

Os resultados apresentados, cabe ressaltar, não substituem e nem se confundem com outras estatísticas relacionadas às finanças públicas, como as estatísticas fiscais divulgadas pela Secretaria do Tesouro Nacional (Resultado do Tesouro Nacional) e pelo Banco Central do Brasil, que observam aspectos metodológicos específicos.

O conjunto dessas informações constitui um avanço significativo no desenvolvimento de padrões para a compilação e a apresentação de estatísticas fiscais e se insere em uma tendência, de âmbito mundial, na busca de transparência nas finanças públicas.

Sobre a publicação - 2016

Este informativo, fruto de parceria entre o IBGE, a Secretaria do Tesouro Nacional e o Banco Central do Brasil, apresenta os dados sobre as finanças públicas do governo geral – setor institucional que compreende todas as unidades de governo (central, estaduais e municipais) e os fundos de previdência social por elas controlados – referentes a 2016. A parceria tem o propósito de promover o intercâmbio e o compartilhamento de informações contábeis e fiscais entre as bases de dados dessas Instituições, de forma integrada, por meio da harmonização de classificações, conceitos e procedimentos, com o objetivo de fortalecer e aprimorar a metodologia de apuração da conta intermediária do setor governo e das estatísticas de finanças públicas.

As informações do governo central têm como fonte primária o Sistema de Administração Financeira do Governo Federal - SIAFI, da Secretaria do Tesouro Nacional, bem como dados dos demonstrativos contábeis do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço - FGTS e do fundo remanescente do PIS/PASEP (Programa de Integração Social e Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público). As informações dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios são provenientes do FINBRA (Finanças do Brasil - Dados Contábeis dos Municípios), do Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro - SICONFI, sob responsabilidade da mesma Secretaria. Complementarmente, foram utilizadas também informações da conta financeira e das receitas e despesas de juros das três esferas de governo, oriundas do Banco Central do Brasil.

A exemplo das três edições anteriores, o presente informativo, também disponibilizado em meio impresso, fornece os principais resultados obtidos neste ano a partir de uma visão geral do vínculo entre as Estatísticas de Finanças Públicas, elaboradas segundo os princípios e conceitos definidos no Government finance statistics manual 2014 - GFSM 2014, do Fundo Monetário Internacional - FMI, e a Conta Intermediária de Governo, que segue as recomendações do System of national accounts 2008 - SNA 2008, manual preparado sob os auspícios da Comissão Europeia - EUROSTAT, FMI, Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico - OCDE, Organização das Nações Unidas - ONU e Banco Mundial. Neste novo formato editorial, as notas técnicas são divulgadas em separado, podendo ser acessadas apenas em meio digital, nesta página. Elas trazem considerações de natureza metodológica sobre os dois sistemas estatísticos e destacam as similaridades entre ambos e as maneiras de reconciliação das diferenças, nos casos em que ocasionalmente existam, de modo a garantir a consistência dos dados macroeconômicos.

Os resultados apresentados, cabe ressaltar, não substituem e nem se confundem com outras estatísticas relacionadas às finanças públicas, como as estatísticas fiscais divulgadas pela Secretaria do Tesouro Nacional (Resultado do Tesouro Nacional) e pelo Banco Central do Brasil, que observam aspectos metodológicos específicos.

O conjunto dessas informações constitui um avanço significativo no desenvolvimento de padrões para a compilação e a apresentação de estatísticas fiscais e se insere em uma tendência, de âmbito mundial, na busca de transparência nas finanças públicas.

Principais resultados - 2016

Nenhum conteúdo disponível para exibição

Tabelas - 2016

Conta Intermediária de Governo - 2016 (em formato xls e ods)

Demonstrativos - 2016 (em formato xls e ods)


O IBGE adota uma política de revisão de dados divulgados desta operação estatística. Por revisão de dados entende-se toda e qualquer revisão programada de dados numéricos, em que são disponibilizadas novas informações que não estavam acessíveis quando da primeira divulgação, tais como: um dado tardio que substitui uma não resposta; ou um dado corrigido pelo próprio informante; ou um conjunto de dados que foi submetido a processo de crítica e imputação. Para informações mais detalhadas sobre a política de revisão de dados divulgados das operações estatísticas do IBGE,  consultar a relação das pesquisas conjunturais, estruturais e especiais realizadas pelo Instituto, com o respectivo procedimento de revisão adotado, no endereço: https://biblioteca.ibge.gov.br/index.php/biblioteca-catalogo?view=detalhes&id=298009.

Quadros sintéticos - 2016

    Nenhum conteúdo disponível para exibição

    Microdados - 2016

    Nenhum conteúdo disponível para exibição

    Informações técnicas

    Considerações metodológicas sobre as Estatísticas de Finanças Públicas e Conta Intermediária do Governo podem ser obtidas no capítulo Notas técnicas de suas publicações de resultados.

    Séries históricas

    Nenhum conteúdo disponível para exibição

    Microdados

    Nenhum conteúdo disponível para exibição

    Portaria de precedência

    Downloads

    Conceitos e métodos - 2016

    As informações a seguir descrevem os metadados estatísticos, que são o conjunto de conceitos, métodos e aspectos relacionados às estatísticas, e são informações necessárias para compreender as características e a qualidade das estatísticas e interpretá-las corretamente.

    Informações Gerais

    Objetivo
    A Conta Intermediária de Governo constitui um passo inicial para a elaboração das contas do setor Governo Geral das Contas Econômicas Integradas do Sistema de Contas Nacionais, à qual são agregadas outras fontes de informação e colocadas em contraste com as informações dos demais setores institucionais que compõem o Sistema de Contas Nacionais. Seu objetivo é oferecer aos usuários especializados a leitura das finanças públicas a partir da ótica das contas nacionais e sua harmonização com outros sistemas estatísticos como o Government finance statistics manual 2014 - GFSM do Fundo Monetário Internacional, representado nas tabelas das Estatísticas de Finanças Públicas.
    Tipo de operação estatística
    Pesquisa de gestão pública
    Tipo de dados
    Registros administrativos
    Periodicidade de divulgação
    Anual
    Abrangência geográfica
    Nacional

    Metodologia

    A Conta Intermediária de Governo segue o referencial metodológico estabelecido no System of national accounts 2008 - SNA 2008, enquanto as estatísticas de finanças públicas têm como referência o Government finance statistics manual 2014 - GFSM do Fundo Monetário Internacional.
    Técnica de coleta:
    Não se aplica

    Temas

    Temas e subtemas
    Contas Nacionais, Finanças públicas, Outras estatísticas econômicas não especificadas anteriormente, Estatísticas macroeconômicas
    Principais variáveis
    Receita, Despesa, Impostos, Transações líquidas com ativos e passivos, Resultado operacional bruto, Resultado operacional líquido, Capacidade (+)/Necessidade(-) líquida de financiamento primária. : Valor adicionado bruto, Impostos sobre a produção e a importação. Impostos correntes sobre a renda, patrimônio, etc, Contribuições sociais, Formação bruta de capital fixo, Capacidade (+) / Necessidade(-) líquida de financiamento.

    Unidades de informação

    Unidade de investigação
    Órgão da Administração Pública
    Unidade de análise
    Não se aplica
    Unidade informante
    Não se aplica.

    Períodos de referência

    Ano - 01/01/2016 a 31/12/2016

    Disseminação

    Formas de disseminação
    Banco de Dados Agregados - SIDRA
    Nível de desagregação geográfica
    Nacional

    Histórico

    Esta publicação da continuidade às publicações da antiga pesquisa de Estatísticas Econômicas das Administrações Públicas, que teve sua última publicação em 2006 “Finanças públicas do Brasil : 2002-2003” , após esse período, a pesquisa em campo permaneceu até 2011, mas sem publicação especifica sobre as finanças públicas. Em 2014, a publicação retornou utilizando-se de registros administrativos da Secretaria do Tesouro Nacional, em parceria institucional.

    Saiba mais

    https://metadados.ibge.gov.br/consulta/estatisticos/operacoes-estatisticas/C1

    Calendário

    Próximas divulgações

    Nenhuma divulgação futura


    Divulgações anteriores

    Operação estatísticaData da divulgação
    Estatísticas de Finanças Públicas e Conta Intermediária de Governo Brasil
    Período de referência: 2016
    04/05/2018

    Material de apoio

    Nenhum material de apoio cadastrado para esse item

    Erramos

    Nenhum conteúdo disponível para exibição